Handmaid's News

Tia Lydia atingiu seu ponto de ruptura em The Handmaid's Tale?


Contém spoilers da terceira temporada de The Handmaid's Tale

Os vilões sempre foram complicados em The Handmaid's Tale, embora não sejam necessariamente simpáticos, a série nos força a realmente examinar esses personagens e suas ações horríveis de perto. O pior desses vilões pode ser a tia Lydia, e na terceira temporada ela está começando a se desvencilhar de maneiras que nem as pessoas mais poderosas de Gilead podem ignorar. Tia Lydia atacou Janine no quarto episódio - e parece que algo pode não estar certo com ela.

Esta não é a primeira vez que Lydia se descontrola na terceira temporada. Enquanto fazia a inspeção de rotina em June na casa do Comandante Lawrence, ela perdeu a calma - e até se preocupou com a condição da Sra. Lawrence - para enganar June e gritar com ela e dar choques por um instante.

No episódio 4, Lydia começou a bater e gritar com Janine na frente de todos os comandantes e suas esposas. O incidente começou quando Janine pediu para se tornar Ofwarren novamente e dar à filha um irmão. "Eu quero fazer o trabalho de Deus", disse ela à tia Lydia. "Não foi isso que você me ensinou? Não é isso que vocês querem?" Isso só prova mais uma vez que o sistema da Gilead não funciona.

Continua após a publicidade


Todas as pessoas poderosas de Gilead na sala pareciam surpresas, se não chocadas, com as ações de tia Lydia, apesar de tê-las sancionado para começar este mundo distópico. Sua reação é um pouco surpreendente, no entanto. Enquanto isso era um comportamento incomum para Lydia, todas as tias são emocionalmente e fisicamente abusivas em relação às aias.

Ainda assim, por mais chocados que estivessem, nenhum dos Comandantes e esposas interveio quando Lydia partiu para cima de Janine. Nenhum. É June que pára tia Lydia e é June que diz a ela para parar, finalmente gritando "não" na cara dela e tirando-a da tortura. Quando dois Guardiões chegam, eles levam Janine para longe, em vez de Lydia, enquanto Fred murmura "tire-a daqui" em voz baixa.

É estranho perguntar isso, considerando todas as coisas ruins que a tia Lydia fez anteriormente, mas ela está bem? Você não precisa gostar da personagem para ser atraído para onde sua história está indo. Até mesmo Lydia parece estar chocada com suas próprias ações em relação a Janine e June nesta temporada, e não parece que ela esteja totalmente no controle. Este poderia ser um transtorno de estresse pós-traumático manifestando-se como resultado da tentativa de Emily em tirar sua vida na segunda temporada. Pode ser algum tipo de raiva reprimida de ser uma tia em Gilead e oprimir outras mulheres em nome do que um pequeno grupo de homens que determinou isso. Algo está acontecendo, e Gilead absolutamente não tem recursos para resolver.

Ainda há muito que não sabemos sobre a vilã de The Handmaid's Tale. Como ela chegou ao poder? Qual era o relacionamento dela com os Filhos de Jacó antes de Gilead assumir? A terceira temporada finalmente nos dará flashbacks da tia Lydia, e parece que esses episódios violentos estão levando a algum tipo de revelação. Mesmo que você queira coisas ruins para Lydia, o que quer que esteja acontecendo com ela está prejudicando outras pessoas e precisa ser resolvido mais cedo ou mais tarde. Das entrevistas dadas pelo elenco, sugere-se que o episódio especial que contará o passado de tia Lydia será o 8 dessa temporada.