Handmaid's News

A importância de Sydney Sweeney como Eden em The Handmaid's Tale


A matéria contém spoilers do episódio 12 da segunda temporada

Essa semana é puramente própria para falarmos de Eden, a personagem que lá no começo parecia uma coisa e agora mostrou justamente o contrário. 

A atriz norte americana Sydney Sweeney que a interpreta nasceu em Washington em 12 de setembro de 1997. Já a personagem Eden é uma garota de 15 anos que cresceu em Gilead se tornando fiel crente da causa da nova nação, ao contrário de June, Moira e outras mulheres. Eden pretendia tornar-se esposa de um comandante.

O fato de que era uma verdadeira crente na causa de Gilead fazia dela uma personagem perigosa. Ela se juntou ao elenco da série no episódio cinco da segunda temporada como a prometida de Nick. No início muitos fãs da série, inclusive a gente, trataram da personagem com certo desprezo, o receio era que Eden poderia causar problemas para Nick e June.

Os tempos passaram e a série soube construir a evolução de Eden de uma forma surpreendente. O primeiro envolvimento de Eden com um novo guarda da casa dos Waterford causou a mudança na postura da menina, que mesmo tendo 15 anos tentou escapar de Gilead junto com Isaac. 

A tentativa aqui não lembra nada a de June, já que com a aia, Serena e Fred trataram de disfarçar os fatos, dando a entender que ela não teria fugido mas sim sido sequestrada, tudo para não ser punida e não acabar com as chances do casal ter um bebê nas mãos. Aqui Eden e Isaac são julgados, mesmo depois de Nick implorar para a garota desistir. 

Eden serve para mostrar o quão Gilead pode ser funcional na bolha que se criou, a jovem é de uma geração que não conhece nada além de aias servindo como procriadoras, para ela tudo isso é absolutamente normal, que faz parte da cultura em que vive e que subentende-se que deve seguir em seu futuro.

Mas para a nova nação nada que vai contra as leis deve ser ignorado. O primeiro homem por quem Eden se aproximou de fato foi Isaac, depois de não ser correspondida por Nick o que restou foi fugir com o amado. Aqui não importa a personalidade frágil de Isaac, mas sim a desapropriação de tudo o que foi ensinado a Eden, o primeiro contato com algo que não transpire Gilead a levou ao descontrole, sendo punida com a morte. 

O amor é paciente.
O amor é bondoso.