Handmaid's News

Serena Joy Waterford


Serena Joy é uma personagem importante em The Handmaid's Tale. Ela é a Esposa do Comandante Fred Waterford, que está usando Offred para tentar obter uma criança. No filme, ela é interpretada por Faye Dunaway, e na série de televisão por Yvonne Strahovski.

No livro

Offred afirma que o nome verdadeiro de Serena Joy é Pam, e que Serena Joy é apenas um nome artístico. Antes da criação de Gilead, Serena era uma cantora talentosa e televangelista, defendia que as mulheres retornassem aos valores e papéis familiares "tradicionais" e apoiava a criação da Gilead. Em algum momento, ela se casou com um homem chamado Fred, que se tornou Comandante de alto escalão em Gilead. No entanto, após o triunfo de Gilead, Serena ficou amarga e infeliz, ficando presa em casa o dia todo e teve que confiar nas aias para conceber um filho.

Serena Joy aparentemente está ciente de que o Comandante quebra as regras em relação a receber itens de contrabando, mas fecha os olhos por amor a ele. Ela própria fuma cigarros, um item proibido. O que ela não tolera, porém, é o marido se tornar muito familiarizado com suas aias. Quando Serena descobriu que a antecessora de Offred estava visitando o marido escondida, ficou furiosa. É implícito que a aia cometeu suicídio em parte por medo do que Serena faria. Serena deixa claro que ela não gosta de Offred, mas a vê como sua única chance de ganhar um filho. Ela secretamente faz um acordo com Offred, organizando para ela se encontrar com Nick - quem ela confia - para conceber, afirmando que muitas esposas fazem isso. Ela oferece cigarros a Offred e informações sobre sua filha - que Offred não via há anos - em troca de uma nova criança.

Quando Serena descobre que Offred tem conduzido um caso emocional com o Comandante, depois de encontrar manchas de batom em sua capa azul (que Offred usava como disfarce quando visitou Jezebels com o Comandante), Serena Joy a confrontou com raiva, perguntando como poderia traí-la assim depois que tentou ajudá-la. Quando Offred é presa pelos Olhos, fica evidente que Serena Joy não a vinga, como ela parece horrorizada e chama Offred de uma "cadela", aparentemente acreditando que Offred tinha denunciado Fred para os Olhos em vingança ou uma tentativa de salvar-se.

O epílogo discute a verdadeira identidade de Serena Joy; o candidato mais provável para seu marido é o Comandante Fred Waterford, no entanto, o nome de sua esposa era Thelma, não Pam; o outro candidato mais provável também não tinha uma esposa chamada Pam. Isso sugeriria que Offred se lembrasse do nome real de Serena, que ela é uma pessoa completamente diferente ou até mesmo que Offred usasse um nome falso por algum motivo. Usar o nome verdadeiro de Serena poderia ter identificado Offred, colocando em perigo seus entes queridos, ou é possível que, apesar do tratamento horrível que ela geralmente fazia sobre ela, Offred estivesse tentando proteger a própria Serena, já que ela provavelmente teria tido problemas para ajudar Ofred a cometer adultério com Nick.

Na série

Serena Joy é interpretada por Yvonne Strahovski. Nessa adaptação, Serena Joy parece ser mais nova (por volta dos 30 anos) do que no livro, onde é de meia-idade, embora ainda seja aparentemente infértil.

Antes de Gilead

Serena é uma ativista cultural religiosa de direita. De acordo com Castillo, ela já foi presa por incitar um motim, e ela escreveu um livro sobre suas crenças, intitulado "A Woman's Place", que contém a famosa frase "Nunca confunda a mansidão de uma mulher com fraqueza".

Serena nervosamente se prepara para falar na frente de uma multidão em um campus universitário para promover seu livro "A Woman's Place", onde o público já está gritando alto antes mesmo dela chegar ao púlpito. Quando alguém joga uma garrafa de água no palco, os organizadores a apressam, com Fred protestando em voz alta que sua mulher tem o direito de falar, porque "Isso é a América". Ao voltar para o carro, Serena é baleada no estômago por um atirador, deixando-a incapaz de conceber filhos. No hospital, Fred promete a Serena que ele encontrará o "terrorista" que atirou nela. Mais tarde, ele pega o atirador e sua esposa e os mantém sob a mira de uma arma. Ele mata a esposa primeiro.

Serena está considerando escrever outro livro sobre "fertilidade como um recurso nacional" e "reprodução como um imperativo moral". Fred é um dos conspiradores que planejam os (supostos) ataques "terroristas". Serena está confiante de que os ataques encenados ajudarão a impulsionar rapidamente a sociedade imaginada que é favorável às suas próprias crenças teocráticas.

Após a imposição de Gilead

Serena mostra-se completamente excluída do novo planejamento do governo, já que a nova sociedade não permite que as mulheres "esqueçam seu real propósito" novamente, como o Comandante Warren aponta para um desanimado Fred. Em certa vez, enquanto se prepara para aceitar seu novo papel limitado na sociedade que ajudou a criar, uma cópia de seu livro é vista sendo jogada no lixo.

Antes do enredo principal

Nick e Rita descobrem que a aia anterior se enforcou em seu quarto. Enquanto o corpo é levado, Serena pergunta a Fred "O que você acha que vai acontecer?" ("Jezebels").

Presente, primeira temporada

Serena Joy leva Offred para a casa dos Putnam para ver Ofwarren e o bebê. Ofwarren diz a Offred que seu Comandante está apaixonado por ela e que eles vão fugir. Ela também deu à filha um nome diferente, "Charlotte". Ofwarren está aparentemente delirando e comenta sobre seu comportamento para Serena Joy. Nick leva Offred para casa e há uma vã preta esperando. Offred é interrogada por um Olho e Tia Lydia sobre seu conhecimento de Ofglen. Serena intervém, gritando para eles pararem de bater porque Offred está grávida. Offred mais tarde revela a Serena que ela não está grávida, fazendo Serena arrastá-la para seu quarto e ordenar que ela não saia.

Serena Joy chama Offred para lhe dizer que pediu a Nick para tentar engravidá-la. Ela suspeita que o Comandante é infértil, então secretamente leva Offred a casa de Nick, onde ela espera enquanto eles fazem sexo. Eles terminam e Serena diz a Offred para deitar em seu quarto, depois de fazer uma oração para encorajá-la a engravidar.

Os Waterford recebem uma delegação mexicana sendo liderada pela senhora Castillo, que está instigada com a ideia das aias. Ela pergunta a Serena se alguma vez imaginou uma sociedade em que as mulheres não possam mais ler seu livro, a qual Serena responde que Deus pede sacrifícios.

Serena acorda Offred para se apressar a ajudar Janine (ex-Ofwarren), que está ameaçando pular de uma ponte com sua filha. Offred a convence a soltar o bebê, o que Janine faz logo antes de pular. Comandante Warren é preso. Serena tenta oferecer conforto para sua esposa Naomi e oferece ajuda com o bebê, que ela recusa abruptamente. Naomi então lembra Serena da primeiro Offred, dizendo que "os homens não mudam".

Serena descobre que Offred foi a Jezabels com Fred e ataca Offred no chão para puni-la. Ela então força Offred a fazer um teste de gravidez, que dá positivo. Serena revela as boas novas ao marido e diz que o bebê nem é dele porque ele é fraco. Ela então leva Offred em uma viagem surpresa, a várias horas de distância. Serena se encontra com Hannah, a filha de Offred, para mostrar a Offred que se prejudicar a si mesma ou ao bebê, então Hannah estará em perigo. Offred grita e chama Serena de um monstro do mal.

Dois guardas armados entram e levam Offred para longe, para surpresa de Serena Joy e Fred. Offred sai de bom grado, insegura se este é seu fim ou um novo começo.

Continua após a publicidade

Presente, segunda temporada

June

Comandante Fred e Serena Joy levam Offred para ser examinada por um médico. O bebê é mostrado a eles no monitor e Serena beija a testa de Offred em agradecimento. Offred é deixada sozinha e começa a colocar seus sapatos quando uma chave cai de sua bota. A chave a coloca em uma escada e permite que ela escape. Serena depois espiona o marido enquanto ele tenta encontrar Offred. Ela vai até o antigo quarto de Offred e senta no peitoril da janela.

Other Women

Depois da recaptura de June, os Waterford cumprimentam-na com firmeza e formalidade. O comandante Fred fala do tremendo esforço que levou para salvar June de seu "sequestro" nas mãos de uma "rede terrorista insidiosa". Serena depois corre para o quarto de June e a coloca em um estrangulamento. June recupera fôlego e a lembra de que "Enquanto eu estiver segura, a bebê também estará".

No chá de bebê, Serena abre muitos presentes feitos à mão das outras esposas. June, que deveria ficar em silêncio, fala que o bebê chutou pela primeira vez na noite passada. Serena se retira para o quintal com um cigarro. Tia Lydia diz a Serena que tudo o que acontece agora deve ser para o bem da criança e, portanto, ela deveria parar de fumar.

Naquela noite, June implora por perdão diante de todos os membros da família Waterford e por ela ser novamente Offred. Serena depois rasteja na cama com Offred e acaricia sua barriga. Quando Serena sai, Offred vai para o armário, repetindo para si mesma: "Minha culpa. Minha culpa. Minha culpa."

Seeds

Tia Lydia ainda está monitorando regularmente a gravidez de Offred na casa dos Waterford. Ela a pesa, mede o tamanho do bebê, considera seu estado mental. Ela até consegue fazer anotações com um lápis, em um caso de "dispensação especial" para tias, como ela explica para a Serena com um traço de inveja sobre a regalia de Lydia. Serena incentiva Tia Lydia a sair, mas ela fica ofendida quando Lydia diz que um de seus trabalhos é observar o "humor" da casa em que Offred está carregando o bebê.

Serena leva Offred para uma caminhada onde elas se deparam com Grace, Naomi e a bebê de Janine, Angela (ou Charlotte por Janine). O bebê chora sem parar, e Naomi acha que é um jeito de Deus "testá-la".

Os Waterford dirigem-se para um Prayvaganza presidido pelo Comandante Pryce, no qual as aias e esposas se sentam em filas enquanto uma cerimônia acontece abaixo. Nick, entre outros Guardiões, é levado ao andar principal. Jovens noivas, com os rostos cobertos por véus, marcham ao centro e ficam em frente aos homens sendo "honrados". Quando Nick ergue o véu de sua noiva, ele vê uma garota, Eden, que é muito mais jovem que ele.

Os Waterford com Offred, Nick e Eden retornam do Prayvaganza. Quando Offred se retira para seu quarto, ela luta para subir as escadas, evidentemente sangrando. Ela se move em torno de seu quarto. Serena leva Eden para o apartamento de Nick e gentilmente a aconselha a apreciar o "ato" que ela agora é obrigada a ter.

Offred acorda em uma cama de hospital após um colapso, Serena dormindo em uma cadeira em frente a ela, e parece atordoada por ela e pela sobrevivência do bebê. Ela vai buscar o médico.

First Blood

Durante um ultrassom, o médico diz a Serena que o sangramento de Offred foi devido a um hematoma subcoriônico e ela deve estar bem agora, acrescentando que o bebê "precisa de harmonia dentro da casa". De volta a casa, Serena deixa Offred ficar na sala de estar para não ter que subir e descer as escadas. Serena depois senta-se no sofá enquanto Offred se prepara para dormir e deixa Serena colocar as mãos na barriga.

Serena convida quatro aias (Alma, Ofglen #2, Oferic e Ofsamuel) para um almoço surpresa com Offred. Mais tarde, Serena leva Offred até o berço para ver como está decorado. Quando Offred pede para ver Hannah, Serena se recusa irritadamente e ordena que tire suas coisas do andar de baixo para voltar ao seu antigo quarto.

After

Após o bombardeio, o Comandante Fred está inconsciente em sua cama de hospital. Nick se oferece para levar Serena para casa para dormir e trocar de roupa. Ela recusa a oferta dele. O Comandante Putnam entra na sala com o Comandante Cushing, visivelmente ferido, e anuncia que o Comandante Pryce "voltou para casa para Deus" e Cushing assumirá os "deveres de segurança" de Pryce. Cushing promete que ele vai encontrar todos os responsáveis ​​pelo ataque.

Offred chega ao hospital. Serena Joy está feliz em vê-la e mostrar a Fred que seu bebê está seguro. Em casa, Serena Joy fala sobre Ray Cushing com Offred e diz que ele sempre foi um fanfarrão mesmo quando eles passaram férias em Antígua junto com sua esposa Sonia. Ela quer que Offred seja muito cuidadosa com o que diz a Cushing. Offred lembra a Serena que toda a casa do Comandante Deeds foi abatida, e se Cushing chegou a acreditar que ela tem uma conexão com o Mayday, ele não hesitará, nem nunca deixaria um bebê crescer naquela casa.

Quando Nick retorna ao seu apartamento naquela noite, ele encontra Serena dentro esperando sozinha. Ela pede a ele se submeter mandados ao "Consular da Lei Divina" precisa da assinatura do Comandante. No entanto, Nick concorda em ajudar Serena a "passar pelo processo".

Nick troca olhares com os guardas em frente à casa dos Waterford e se dirige para a porta da frente. Quando Cushing chega à casa, uma vã dos Olhos passa e Guardiões o cercam. O Comandante Putnam explica que ele está sendo preso por traição da palavra do Comandante Waterford, devido à "esmagadora" evidência apresentada pelos Olhos.

Serena Joy pede a June para acompanhá-la ao escritório onde ela já criou novas políticas de segurança, explicando que gostaria que as coisas voltassem ao normal. Lembrando-a de sua antiga profissão como editora, ela pede a June para corrigir seus rascunhos. June pega uma caneta.

Women's Work

Offred e Serena trabalham juntas para fazer o trabalho do Comandante Fred enquanto ele está no hospital. O Comandante retorna à casa depois de ser hospitalizado e é recebido de volta por Serena e pela equipe. Serena repassa o trabalho que fazia para ele enquanto ele estava fora. Ele está grato, mas a leva para fora do escritório para que ele possa examinar tudo. No andar de cima, Offred encontra uma caixa de música e uma rosa em sua cama, supostamente um presente de Serena. Serena diz a Offred que a bebê Angela não está bem. Ela sai para oferecer apoio a Naomi.

Mais tarde, Serena diz a Offred que a bebê não está bem e que eles não sabem o que há de errado com ela. Offred pergunta se há algo que eles podem fazer e Serena diz que poderiam perguntar a uma das melhores médicas, mas isso significaria dobrar a lei. Offred diz que se fosse o bebê dela, ela faria o que pudesse. Serena pergunta a Fred se ele pode permitir que a médica, que agora é uma Martha, verifique a bebê. Fred diz não porque eles não podem questionar a vontade de Deus. Serena diz a Offred que Fred recusou a proposta. Offred conta a Serena sobre Janine e como ela sabe sobre o bebê. Offred pergunta se Janine poderia ver o bebê, mas Serena diz a ela para não ser estúpida.

No hospital, Serena pergunta a Naomi se Janine, que é trazida pela Tia Lydia, pode ver o bebê. O marido dela está bem com isso, mas Naomi não está. Offred leva Janine para ver o bebê na UTI. A doutora Hodgson chega em sua roupa de Martha, muda de roupa e é instruída pelo doutor Epstein. Ela faz alguns testes no bebê. Os médicos dão aos pais de Angela uma má notícia. Serena vai atrás da médica, mas ela diz que tudo o que podem fazer é rezar pela recuperação da bebê. Janine é capaz de segurar a bebê para se despedir.

Serena e Offred chegam em casa e são informadas por Nick que elas são requisitadas no escritório do Comandante. Fred diz que sabe que Serena forjou sua assinatura para que a Martha pudesse ver a bebê. Ele pergunta a Offred se é a letra dela em um dos papéis e ela diz que sim. Como punição, Fred chicoteia Serena com o cinto e força Offred a ver tudo.

Serena está no quarto chorando enquanto olha as cicatrizes. Offred pergunta se há algo que possa fazer, mas Serena apenas a manda de volta para seu quarto. Em vez disso, Offred desce e pede desculpas a Fred pelo que fez. Ela pergunta se ele vai perdoá-la e ele diz para ir para a cama.

Smart Power

Rita vem ao quarto de Offred e diz a ela que eles foram convocadas. Elas são informadas pelo Comandante Fred que ele e Serena estão indo para o Canadá, apresentando um novo Guardião, Isaac, para vigiar a casa durante sua ausência. Serena diz a Fred que ele não precisa dela, mas Fred diz que eles precisam mostrar ao Canadá que as mulheres não são oprimidas em Gilead.

Nick carrega o carro com a bagagem quando Eden aparece e lhe dá alguns biscoitos para levar consigo. Ela diz que vai sentir falta dele, mas ele diz que só vai se ausentar por alguns dias. Serena vai ver Offred antes de sair. Ela diz a Offred que ela deve sair de casa assim que o bebê nascer.

Fred e Serena pousam no Canadá. Moira reconhece Fred e ela aponta para Luke e Erin enquanto assistem televisão. Moira e Luke vão à embaixada americana e pedem a Rachel que prenda Fred, mas ela diz que não é possível. Ela incentiva Moira e Luke a participarem de um protesto planejado.

Serena observa as pessoas sobre suas atividades diárias enquanto passa de limusine. Fred é saudado pela delegação canadense. McConnell comenta para o Comandante Waterford que ele e seu marido eram visitantes frequentes dos antigos Estados Unidos, e responde à sugestão de Waterford de que os dois visitarão Gilead em um futuro próximo com um breve "quando nos sentimos bem-vindos". Eles deixam Serena sozinha para participar de atividades culturais.

Serena encontra uma mãe e seu filho, mas a mãe não quer nada com Serena. Mais tarde, ela se dirige ao bar onde um homem chamado Mark Tuellose se aproxima dela. Inicialmente, Serena pensa que ele trabalha para a imprensa. Ele revela a ela que é um representante do que sobrou do governo americano. Ele tenta persuadir Serena a começar uma nova vida longe de Gilead, oferecendo passagem segura a Honolulu e encorajando-a a escrever um livro sobre Gilead. Percebendo que ele procura usá-la como uma ferramenta de propaganda, Mark apela para seu desejo de ter um bebê, argumentando que os cientistas americanos têm trabalhado na crise da fertilidade há anos e têm a capacidade de torná-la fértil novamente. Ela também teria "liberdade garantida". Serena afirma que ela nunca vai trair seu país, para o qual Mark diz que ela já fez.

Quando June e Isaac voltam para casa sem fazer compras, Rita questiona Isaac sobre o que ela deve fazer naquela noite. Quando ele diz a ela que a saída de compras foi interrompida, Rita se afasta e começa a preparar o que ainda tem em casa. Ele então envia June para um cochilo e começa a falar com Eden sobre a geleia de morango que está fazendo. No andar de cima, June fala com Rita sobre como Serena quer que ela saia de casa assim que o bebê nascer. Ela pede a Rita que cuide de sua filha quando ela for embora, porque ela quer que seu filho apreenda apenas gentileza, e Rita diz que fará o que puder.

No protesto, Luke confronta o Comandante Fred. Ele é levado pela polícia, mas não antes de Serena e Nick perceberem que ele é o marido de Offred. Serena e Fred dirigem-se para o quarto onde Fred diz que fizeram progressos com o governo canadense. Nick vai procurar por Luke e o encontra em um bar. Ele diz a Luke que June está bem, mas Luke diz que ela não está bem. Nick diz a ele que June está grávida. Isso perturba Luke e ele diz para Nick sair, mas depois muda de ideia e vai atrás dele. Ele pergunta sobre Hannah, mas Nick não sabe se ela está bem. Nick dá a Luke a pilha de cartas que June lhe deu e diz a ele para divulgá-las de alguma forma. Luke pede a Nick para dizer a June que Moira conseguiu sair de Gilead.

Tia Lydia visita Offred. Offred diz a ela sobre como Serena quer que ela saia logo após o nascimento do bebê. Tia Lydia diz a ela que essa é a prerrogativa de Serena.

No dia seguinte, o Comandante Fred e Serena são orientados a ir diretamente ao aeroporto porque as cartas foram divulgadas na internet e a indignação pública tomou conta. McConnell diz que o casal não é mais bem-vindo. Quando saem, uma das mulheres diz a Serena que ela não sabe como Serena vive consigo mesma. No aeroporto, mal conseguem estacionar o carro.

Fred e Serena chegam em casa. Serena se depara com os jogos que recebeu do representante americano. Ela joga no fogo.

The Last Ceremony

June começa a contrair e é levada para casa pela ambulância, onde Nick a ajuda a entrar. Serena sai e cumprimenta June.

Tia Lydia e outras aias chegam. Elas começam a arrumar a sala para o nascimento da criança. Lá embaixo, as Marthas estão na cozinha preparando petiscos e iguarias. Além disso, o Comandante Fred está distribuindo charutos. Serena está em outra sala cercada de esposas enquanto finge ter um bebê. Tia Lydia interrompe a cerimônia e diz a ela que June só estava tendo falsas contrações. Eles chamam um médico para inspecioná-la e descobrem que ela não está nem perto de dar à luz. Isso perturba Serena, que diz a June que, após o nascimento, ela será transferida para outro lar. June aborda o Comandante Fred sobre o que Serena quer e pede sua ajuda. Ela pede para ser transferida para uma casa próxima. Isso perturba o Comandante que pede a ela para sair. Antes de partir, June diz que ele nunca saberá como é ter um filho seu.

Comandante Fred e Serena falam sobre o bebê. Serena diz que o melhor caminho para o bebê chegar é o caminho mais natural. Rita diz a June que Serena quer vê-la. Quando ela sai, Rita diz a June que ela contará ao bebê sobre ela. Serena força June para a cama enquanto Fred a estupra para que o bebê chegue mais cedo. Depois, Serena e Fred saem do quarto deixando June sozinha enquanto chora.

Holly

Serena Joy e o Comandante Fred chegam procurando por Offred. Quando eles entram, Fred chama o Comandante McKensie e sua esposa. Serena corre para o andar de cima e percebe que os armários de roupas foram abertos. Ela vê a capa e a touca de Offred, e desce correndo para Fred. Serena e Fred discutem sobre Offred. Serena o culpa por eles fugirem juntos. Ele diz que Nick não seria tão desleal e que deixou Offred ver sua filha, o que ele acredita que a teria agradecido. Serena diz a ele que ele é estúpido e que eles o odeiam, e é por isso que Offred continua fugindo dele.

Fred culpa Serena de crueldade constante com Offred por suas tentativas de fuga. Ela diz que ele estuprou Offred, ele aponta que foi ideia dela, e diz que isso foi "para consertar a bagunça dela". Serena em sua raiva diz que Nick é o pai do bebê de Offred, e ele deveria ter esperado que eles fugissem depois de ver Hannah. Ela pergunta a Fred se ele esperava que Offred voltasse depois dessa visita e agradecesse a ele. Ela o chama de idiota e ele a chama de puta. Serena diz que eles não podem explicar isso. Especialmente ter uma aia fugindo duas vezes, e como eles vão pensar que eles são parte da Resistência. Ela diz que vão enforcá-los, e ele comenta que seria sua má sorte estar ao lado dela. Ela o castiga por fazer piadas.

Em um nível superior da casa, Offred espia uma caixa aberta de munição. Lá dentro, ela encontra uma espingarda e a carrega. Lá embaixo, Serena confessa em voz baixa que desistiu de tudo pela "causa", e tudo o que ela queria em troca era um bebê. Fred a prende contra a parede dizendo que ela exigiu um bebê. Ela chora que ele a deixou sem nada. Ao mesmo tempo, Offred abriu silenciosamente uma janela na passarela e apontou a arma para eles. Serena chora porque nunca segurará seu bebê, e Fred a consola. Offred ouve toda a conversa. Serena empurra Fred para longe, e Offred ofega quando seu alvo se afasta de sua vista. Serena diz a Fred que Nick é o pai do bebê.

Postpartum

Serena Joy é vista banhando Holly/Nichole. Offred usa uma bomba de peito quando Tia Lydia chega. Ela elogia Offred por ter sobrevivido e ter dado à luz sozinha. Uma das tias menciona que o leite de Offred diminuiu. Tia Lydia diz que já sabe disso. Aparentemente, a Serena quer o leite. Tia Lydia diz a Offred que outras famílias fizeram ofertas para ela estar em suas casas. O Comandante Fred é visto arrumando seu escritório quando Nick entra. Nick pendura uma foto na parede e é de Serena, Fred e a nova bebê.

Eden é vista segurando a bebê. Rita entra com uma garrafa e Serena leva a bebê para alimentá-la. Rita diz a Serena que resta pouco leite materno porque Offred está secando. Tia Lydia leva Offred para se encontrar com o Comandante e Nick que trouxeram Holly/Nichole. Offred se recusa a ver a bebê, mas Tia Lydia diz a ela que vai ajudá-la a produzir mais leite. É verdade porque, tão logo ela diz isso, seus seios começam a vazar. Fred vira-se para recusar as ofertas de Offred cuidar de Holly/Nichole. Fred diz que não, mas Tia Lydia o convence a levar Offred de volta para casa para que ela possa bombear o leite lá. Offred retorna com Fred, mas isso perturba Serena. Ela diz que Offred não pode tocar a bebê e que ela deve bombear o leite no quarto.

Serena está lidando com Holly/Nichole em prantos. Ela decide tentar amamentá-la, mas é claro que não funciona.

Quando Offred está subindo, ela vê Serena no quarto da bebê. Ela pergunta a Serena se ela está bem. A bebê começa a chorar e Serena surpreendentemente oferece a bebê para Offred. Offred senta e segura Holly/Nichole. Ela começa a amamentá-la enquanto Serena assiste.

The Word

Após a desafortunada execução da Eden, a quem Serena tinha certo respeito e apreço, a morte de uma jovem inocente vira uma inspiração entre as Esposas para tentar mudar as leis de Gilead para permitir mais dignidade para as mulheres. Depois de um confronto desagradável, June mostra a Bíblia de Eden marcada com comentários a Serena. Durante uma reunião das esposas, Serena e a senhora Putnam trocam opiniões sobre a Bíblia, particularmente o direito de lê-la, pois as mulheres são proibidas de fazê-lo. Elas percebem que a maioria das esposas compartilha essa vontade e convoca uma reunião.

Serena se apresenta na corte de Gilead ao lado do resto das esposas; ela é a única oradora diante de um grupo de comandantes. Seu marido, Fred Waterford, olha para ela com desprezo ao pedir que as mulheres e suas filhas possam ler a Bíblia. A maioria das esposas é sólida em sua posição com ela até que ela revele a Bíblia de Eden comece a ler diretamente dela. Muitos dos Comandantes ficam ofendidos por seu desrespeito às leis de Gilead, enquanto a maioria das esposas, com medo das repercussões, começa a sair enquanto Serena lê a Bíblia. Serena permanece imperturbável.

Em uma reunião do lado de fora no corredor, Fred, apesar de tentar esconder sua mentira, diz que o pedido de Serena será considerado. No entanto, momentos depois, dois Guardiões vêm e levam Serena. Serena, percebendo que Fred optou por puni-la pelos pecados de ler, grita e implora que Fred pare. Como consequência, o dedo mindinho esquerdo de Serena é parcialmente amputado.

Serena depois retorna para casa em estado de angústia e choque. June pergunta a Serena o que aconteceu e Serena mostra a ela o dedo mindinho parcialmente amputado. Essa punição elimina o desprezo que June e Serena tinham uma pelo outra, e June põe a mão sobre Serena como um gesto carinhoso. Também amplifica o ódio de June por Fred quando ela pergunta como ele poderia deixar isso acontecer com Serena.

Mais tarde durante a noite, os membros da Resistência montam um complô para ajudar June e a bebê a escapar, ateando fogo a uma casa próxima, em frente a dos Waterford, para distrair os Guardiões e Comandantes. Durante isso, Serena estava na estufa do quintal e notou June e a bebê se escondendo de Guardiões próximos que estavam tentando controlar a situação. Sabendo que June pretende partir com a bebê, Serena implora a June que a devolva. No entanto, June explica que Gilead não é um lugar ideal para uma criança, especificamente uma filha, crescer na medida em que sua própria existência é arriscada. Ela consegue convencer Serena, que então faz uma oração em lágrimas e entrega a bebê de volta a June. June, por sua vez, também dá uma bênção a Serena e deixa para trás uma Serena chorando enquanto ela e outra Martha partem para escapar de Gilead.

Com Serena entregando o bebê para June, está implícito que ela desertou oficialmente da República de Gilead.

Leia notícias sobre a personagem em The Handmaid's Tale Brasil

Promo dublada



Pôster primeira temporada




Pôster segunda temporada






Pôster terceira temporada