Handmaid's News

Janine/Ofdaniel



Janine, também conhecida como Ofwarren, é uma personagem coadjuvante em The Handmaid's Tale. Ela é uma aia que Offred conheceu no Centro Vermelho. Na série de televisão, ela é interpretada por Madeline Brewer e no filme, conhecida apenas por Ofwarren, foi interpretada por Traci Lind.

No livro

Antes de Gilead

Janine aparentemente trabalhou como garçonete antes da ascensão da República de Gilead. Ela teve uma filha jovem (não é mencionado se ela era casada). Quando Janine tinha quatorze anos, ela foi estuprada por vários homens e ficou grávida como resultado, mas fez um aborto.

No Centro Vermelho

Depois da criação de Gilead, Janine foi capturada, separada de sua filha e enviada para o Centro Vermelho. A emocionalmente frágil Janine foi rapidamente derrubada pelas tias - ela foi forçada a 'confessar' seus pecados e contou a história de seu estupro grupal e aborto. As tias declararam que Janine trouxe o estupro para si e as outras aias deviam culpar Janine, que acabou concordando que o que aconteceu foi culpa dela e que Deus estava lhe ensinando uma lição. Janine chorava muitas vezes à noite por causa de sua filha perdida. Em um ponto, ela parecia sofrer um colapso mental completo, acreditando que ela estava vivendo sua vida antiga novamente. Isso levou Moira a dar um tapa em Janine e falar duramente com ela, a fim de tirá-la do colapso, já que as tias não a perdoariam. Ela foi mencionada como sendo a favorita da Tia Lydia devido à sua natureza submissa.

Em Gilead

Quando Offred encontra Janine novamente, ela é designada ao Comandante Warren e sua esposa, sendo conhecida como Ofwarren. Janine está gravida e ostenta isso publicamente, pois isso é considerado a maior coisa que uma aia pode realizar. Há rumores de que o verdadeiro pai do bebê de Janine não seja o Comandante Warren, mas o médico dela, devido à infertilidade de Warren, e a esposa de Warren organizou isso secretamente para obter um filho.

Janine entra em trabalho de parto e Offred, Ofglen e várias outras aias assistem ao parto para apoiá-la. Janine tem uma menina aparentemente saudável, que é imediatamente dada à esposa e nomeada como Angela. Janine está exausta e emocionalmente esgotada pela experiência, mas Offred argumenta que ela nunca será declarada uma Unwoman agora. Quando Offred a vê em seguida na cerimônia de Particicution, Janine parece estar insana, mal reagindo aos acontecimentos do dia e não respondendo mesmo quando Offred a chama pelo seu nome real. Ela não parece reconhecer Offred, apenas sorri agradavelmente para ela e deseja-lhe um bom dia antes de se afastar. O destino de Janine é desconhecido.

Na série de televisão

Janine é interpretada pela atriz Madeline Brewer. Na adaptação para a televisão, Janine é inicialmente um pouco mais rebelde.

No passado

Antes de Gilead

Janine aparentemente trabalha como garçonete. Ela tem um filho chamado Caleb, que foi levado quando Gilead subiu ao poder.

No Centro Vermelho

Janine é levada para o Centro Vermelho e inicialmente enfrenta as tias, dizendo para Tia Lydia "foda-se" e ela é punida com seu olho direito sendo removido. Como no livro, ela é forçada a "confessar" seus pecados e contar a história de seu estupro. Tia Lydia explica que Janine foi culpada e as aias devem repetir isso.

Janine chora à noite. Ela parece sofrer, acreditando que ela está vivendo sua antiga vida como garçonete, o que leva Moira a dar um tapa em Janine e falar duramente com ela, a fim de tirá-la de lá, Tia Beth não mostraria misericórdia.

Presente, primeira temporada

Em uma participação, Janine afirma que Moira está morta.

Janine é designada para o Comandante Warren e dá à luz uma filha, a quem os Putnam chamam Angela, enquanto Janine a nomeia Charlotte. Devido a um caso com seu comandante, ela acredita que ele está apaixonado por ela. Ele promete que eles fugiriam juntos e seriam uma família, embora isso seja considerado uma mentira para que ele pudesse persuadi-la a fazer atividades sexuais com ele que sua esposa não faria. Ela claramente desgosta da senhora Putnam e sua óbvia inexperiência com as crianças e até a morde em um ponto quando ela tenta levar sua filha.

As aias são levadas a uma festa para homenagear Gileada e mostrar a delegação estrangeira seu sucesso, inclusive apresentando os filhos de Gilead. Serena Joy instrui a Tia Lydia a "remover as danificadas" das aias do banquete devido às mutilações visíveis feitas pelo regime, entre elas Janine, Oflyle, Ofthomas, Oftim e Ofjohn. Alma comentou mais tarde com Offred que a delegação estaria interessada ​​em mulheres férteis como mercadoria a ser negociada entre as duas nações.

No nono episódio "The Bridge", Janine sofre um colapso psicológico depois de ser levada de Angela e Putnam para ser transferida para o Comandante Daniel, voltando a um estado infantil durante a Cerimônia e insistindo que "ele" (Warren) está vindo para ela. Mais tarde, ela é capaz de voltar aos Putnams e raptar sua filhinha. Ela é encontrada em pé na beira de uma ponte sobre um rio, segurando sua filha e ameaçando se jogar. Quando Warren tenta dissuadi-la, ela se enfurece e revela suas promessas para ela e as relações sexuais que ele fez escondido de sua esposa. Offred é apresentada para tentar convencê-la a desistir. Ela aparentemente consegue, Janine entrega sua filha a Offred, apenas para prosseguir com sua tentativa de suicídio momentos depois, pulando na água congelada. Ela sobrevive, mas é levada ao hospital em estado crítico.

Janine recuperou-se em grande parte, mas por colocar sua filha em perigo quase saltando com a bebê, ela é condenada à morte. As outras aias são ordenadas a apedrejá-la até a morte, mas todas elas desafiam as ordens da Tia Lydia depois que a nova Ofglen e Offred se recusaram a atirar suas pedras em Janine.
Continua após a publicidade

Presente, segunda temporada

Emily nota que uma das novas prisioneiras que chegam às Colônias é Janine. Ela tenta abraçá-la, mas é puxada de volta por uma Tia.

Emily guia Janine através da realidade desumana e brutal das Colônias, onde Janine ainda parece encontrar razões para sorrir. Janine organiza um casamento, presidido por Sally, um rabino judeu, para Fiona e Kit, o último das quais está morrendo, para dar-lhes um momento de felicidade antes que sua chance de estar juntas seja tirada. Emily, em seguida, com raiva, aponta que elas são apenas "vacas que trabalham até morrer", e Janine está "vestindo o matadouro para elas", ao que Janine responde que "as vacas não se casam". Na manhã seguinte, o corpo de Kit é levado para o enterro no cemitério.

Após o ataque que destruiu o novo Rachel and Leah Center e matou muitos dos presentes, Janine e Emily são devolvidas à custódia de Gilead, onde retomam seus deveres como aias. Janine brevemente e animadamente explica a June que o bombardeio resultou em mortes de aias e que uma decisão foi feita para reabilitar aquelas que foram enviadas para as Colônias, incluindo Emily.

Offred caminha até a loja onde ela encontra Janine e Emily. Janine chama sua nova casa de uma "bênção de Deus", já que acontece "apenas a Cerimônia", para a qual Emily responde que ser estuprada não é uma bênção e qualquer um que ajude Gilead merece ser explodido. Uma ambulância faz com que todos se ajoelhem e rezem pela bebê. Brianna diz a Janine que ela ouviu que é Angela. Como Janine entra em pânico, June promete que vai descobrir mais sobre o que está acontecendo.

No hospital, Serena pergunta a Naomi se Janine, que é trazida pela Tia Lydia, pode ver a bebê. O marido dela está bem com isso, mas Naomi não está. Offred leva Janine para ver a bebê na UTI. A doutora Hodgson chega em sua roupa de Martha, muda de roupa e é instruída pelo doutor Epstein. Ela faz alguns testes no bebê. Os médicos dão aos pais de Angela uma má notícia. Serena vai atrás da médica, mas ela diz que tudo o que podem fazer é rezar pela recuperação da bebê. Janine consegue segurar a bebê para se despedir. Tia Lydia acorda mais tarde ne encontra Janine em sua roupa de baixo segurando uma bebê em estado de saúde bem melhor.

Isaac está acompanhando June e Janine em uma saída de compras. Quando Janine começa a falar em voz alta, Issac ordena que ela fique quieta e se refere a ela como "unwomen", referindo-se ao seu status anterior como prisioneira nas Colônias. Quando Janine responde que ela e June estão conversando ela diz a Isaac para "chupar [seu] pau", Isaac a atinge na boca com a arma, derrubando-a no chão. Ele então as escolta até a casa de June.

Leia notícias sobre a personagem em The Handmaid's Tale Brasil

Promo dublada



Pôster primeira temporada



Pôster segunda temporada